Não se sinta inferior

Não se sinta inferior Comentários desativados em Não se sinta inferior

Certo dia, um guerreiro muito orgulhoso, foi ver seu Mestre. Embora fosse muito famoso, ao olhar o Mestre, sua beleza e o encanto daquele momento, o guerreiro sentiu-se repentinamente inferior.
Ele então disse ao Mestre:
– Por que estou me sentindo inferior? Apenas um momento atrás, tudo estava bem. Quando aqui entrei, subitamente me senti inferior e jamais me sentira assim antes. Encarei a morte muitas vezes, mas nunca experimentei medo algum. Por que estou me sentindo assustado agora?
O Mestre falou:
– Espere. Quando todos tiverem partido, responderei.
Durante todo o dia, pessoas chegavam para ver o Mestre e o guerreiro estava ficando mais e mais cansado de esperar. Ao anoitecer, quando o quarto estava vazio, o guerreiro perguntou novamente:
– Agora você pode me responder por que me sinto inferior?
O Mestre o levou para fora, era um noite de lua cheia e a lua estava justamente surgindo no horizonte. Ele disse:
– Olhe para estas duas árvores: a árvore alta e a árvore pequena ao seu lado. Ambas estiveram juntas ao lado de minha janela durante anos e nunca houve problema algum. A árvore menor jamais disse à maior: ” Por que me sinto inferior diante de você? ” Esta árvore é pequena e aquela é grande – este é o fato, e nunca ouvi sussurro algum sobre isso.
O guerreiro então argumentou:
– Isto se dá porque elas não podem se comparar.
E o Mestre replicou:
– Então não precisa me perguntar. Você sabe a resposta. Quando você não compara, toda a inferioridade e superioridade desaparecem. Você é o que é e simplesmente existe. Um pequeno arbusto ou uma grande e alta árvore, não importa, você é você mesmo. Uma folhinha da relva é tão necessária quanto a maior das estrelas. Simplesmente olhe à sua volta. Tudo é necessário e tudo se encaixa. É uma unidade orgânica: ninguém é mais alto ou mais baixo, ninguém é superior ou inferior. Cada um é incomparavelmente único. Você é necessário e basta. Na natureza, tamanho não é diferença. Tudo é expressão igual de vida.

Não se sinta inferior

Resumo da Semana Comentários desativados em Resumo da Semana

De 07/01 à 13/01

A vaquinha

Manifesto Holstee

A vida é curta demais

オンライン カジノ mente milionária"” href=”http://www.circulodobem.com/dicas-de-livros/livro-os-segredos-da-mente-milionaria/” target=”_blank”>Livro “Os segredos da mente milionária”

Nunca desista

 

Nunca desista

Nunca desista Comentários desativados em Nunca desista

Nunca desistacasino online src=”http://www.circulodobem.com/wp-content/uploads/2013/01/246654_404010186327515_896889016_n.jpg” width=”480″ height=”376″ />

Livro “Os Segredos da Mente Milionária”

Livro “Os Segredos da Mente Milionária” Comentários desativados em Livro “Os Segredos da Mente Milionária”

Os segredos da mente milionáriaEscrito por T. Harv Eker, “Os Segredos da Mente Milionária” foi, com certeza, o livro de melhor custo-benefício publicado pela editora Sextante. Brincadeiras a parte, esse livro ajuda qualquer um que lê a se tornar uma pessoa bem sucedida. O livro se basea no seguinte princípio básico: se você quer se tornar um milionário, pense como tal e adote os hábitos de pessoas que já chegaram lá. Nele, o autor pesquisou sobre como essas pessoas agem e traçou metas para que o leitor deixe de pensar em querer ser um milionário para se tornar um. Com um texto extremamente marqueteiro, o autor convida a rever o seu modelo financeiro já que, se você está lendo esse livro, é porque seu modelo não está funcionando. Uma dica muito importante é que você faça uma releitura completa por mês, durante um ano, para um aprendizado perfeito baseado nas repetições. Segundo T. Harv Eker, o livro “Os Segredos da Mente Milionária” é mais sobre desaprender do que o contrário e mostra que o principal obstáculo para seu sucesso financeiro é justamente a forma como pensamos atualmente.

A vida é curta demais

A vida é curta demais Comentários desativados em A vida é curta demais

A vida é curta demais

Manifesto Holstee Comentários desativados em Manifesto Holstee

O Manifesto Holstee é uma ação que convida as pessoas a viverem com mais paixão, criatividade, darem mais valor ao que tem ao redor delas através do ciclismo.

“Esta é a sua vida. Faça o que você quer e faça sempre.
Se você não gosta de algo, mude.
Se você não gosta de seu trabalho, saia dele.
Se você não tem tempo suficiente, pare de assistir TV.
Se você está procurando o amor de sua vida, pare; ele
estará esperando por você quando você começar a fazer
as coisas que você ama.
Pare de analisar demais, a vida é simples.
Todas as emoções são lindas.
Quando você comer, aprecie até a última mordida.
A vida é simples.
Abra seu coração, mente e braços para novas coisas e
pessoas, somos unidos em nossas diferenças.
Pergunte à próxima pessoa que você encontrar qual é a
paixão dela e compartilhe seu sonho inspirador com ela.
Viaje frequentemente; se perder irá ajudá-lo a encontrar
a si mesmo.
Algumas oportunidades só acontecem uma vez, abrace-
as.
A vida é sobre as pessoas que você conhece e as coisas
que você cria com elas, então saia e começa a criar.
A vida é curta, viva seu sonho e viva sua paixão.”

A Vaquinha

A Vaquinha Comentários desativados em A Vaquinha

A vaquinha

Um Mestre da sabedoria passeava por uma floresta com seu fiel discípulo quando avistou ao longe um sítio de aparência pobre e resolveu fazer uma breve visita. Durante o percurso ele falou ao aprendiz sobre a importância das visitas e as oportunidades de aprendizado que temos, também com as pessoas que mal conhecemos. Chegando, constatou a pobreza do lugar, sem calçamento, casa de madeira, os moradores, um casal e três filhos, vestidos com roupas rasgadas e sujas. Então se aproximou do senhor, aparentemente o pai daquela família, e perguntou: – Neste lugar não há sinais de pontos de comércio e de trabalho. Como o senhor e a sua família sobrevivem aqui?

E o senhor calmamente respondeu: – Meu amigo, nós temos uma vaquinha que nos da vários litros de leite todos os dias. Uma parte desse produto nós vendemos ou trocamos na cidade vizinha por outros gêneros de alimentos e a outra parte nós produzimos queijo, coalhada, etc. para o nosso consumo e assim vamos sobrevivendo.

O sábio agradeceu a informação, contemplou o lugar por uns momentos, depois se despediu e foi embora. No meio do caminho, voltou ao seu fiel discípulo e ordenou: – Aprendiz, pegue a vaquinha, leve-a ao precipício ali na frente e empurre-a, jogue-a lá em baixo.

O jovem arregalou os olhos, espantado e questionou o mestre sobre o fato da vaquinha ser o único meio de sobrevivência daquela família, mas, como percebeu o silêncio absoluto do seu mestre, foi cumprir a ordem. Assim empurrou a vaquinha morro abaixo e a viu morrer. Aquela cena ficou marcada na memória daquele jovem durante alguns anos e um belo dia ele resolveu largar tudo o que havia aprendido e voltar naquele casino online mesmo lugar e contar tudo aquela família, pedir perdão e ajud-los. Assim fez, e quando se aproximava do local avistou um sítio muito bonito, com árvores floridas, todo murado, com carro na garagem e algumas crianças brincando no jardim. Ficou triste e desesperado imaginando que aquela humilde família tivera que vender o sítio para sobreviver. Apertou o passo e chegando lá, logo foi recebido por um caseiro muito simpático e perguntou sobre a família que ali morava há uns quatro anos e o caseiro respondeu: – Continuam morando aqui.

Espantado ele entrou correndo na casa e viu que era mesmo a família que visitara antes com o mestre. Elogiou o local e perguntou ao senhor (o dono da vaquinha): – Como o senhor melhorou este sítio e está muito bem de vida?

E o senhor entusiasmado, respondeu: – Nós tínhamos uma vaquinha que caiu no precipício e morreu. Daí em diante tivemos que fazer outras coisas e desenvolver habilidades, que nem sabíamos que tínhamos. Assim alcançamos o sucesso que seus olhos vislumbram agora.

Resumo da Semana Comentários desativados em Resumo da Semana

De 31/12/12 à 06/01/13

O que o ano novo irá trazer

A hora é agora

Desejo

Livro “Casamento Blindado”

Salte em direção ao que quer

Salte em direção ao que quer

Salte em direção ao que quer Comentários desativados em Salte em direção ao que quer

Salte em direção ao que quer

Livro “Casamento Blindado”

Livro “Casamento Blindado” Comentários desativados em Livro “Casamento Blindado”

Casamento BlindadoO casamento é um vínculo estabelecido entre duas pessoas. Inspirado nisso, o casal Renato e Cristiane Cardoso lançou o livro “Casamento Blindado” com dicas para o dia-a-dia da vida à dois. Publicado pela editora Thomas Nelson, o livro vem sendo apontado como grande fonte para soluções dos mais variados tipos de relacionamentos entre as pessoas, tamanha sua qualidade literária.

Baseado em vivências reais do casal, o livro é um verdadeiro manual de instruções sobre como agir, como se tornar uma pessoa melhor e ter relacionamentos mais saldáveis com as pessoas ao seu redor, sempre focando na união entre homens e mulheres. Daí o nome “Casamento Blindado”.

Tenho certeza de que se meus pais, meus avós e meus tios tivessem tido acesso ao “Casamento Blindado”, a história da minha família seria outra. Acredito que muitos deles ainda estariam vivos, tamanho o impacto de um casamento destruído na vida de uma pessoa.

 Informação é poder, então saiba como lidar com as adversidades dos relacionamentos em sua vida, e mais, saiba como tornar o seu casamento à prova de divórcio. Com uma linguagem cativante, o livro “Casamento Blindado” aborda assuntos dos mais variados tipos, contando todos os segredos do casal para solucionar as diferenças diárias, traçando novos paradigmas.

Também chamado de matrimônio, o casamento é uma união que traz responsabilidades, como por exemplo, a fidelidade e o reconhecimento do governo religioso e social, além de estabelecer uma relação de intimidade e de respeito entre duas pessoas, que juntas dão origem a uma nova família que irá compor a sociedade.

No entanto, a vida a dois por si só já é um grande desafio. Agora imagine desafio maior, escrever um livro a dois, contando tudo sobre a vida a dois. Desafio quádruplo! Foi o que fizeram Renato e Cristiane, desvendando tudo sobre os segredos do casamento, e acredite, em 272 páginas!

Desejo Comentários desativados em Desejo

“Desejo primeiro que você ame,
E que amando, também seja amado.
E que se não for, seja breve em esquecer.
E que esquecendo, não guarde mágoa.
Desejo, pois, que não seja assim,
Mas se for, saiba ser sem desesperar.

Desejo também que tenha amigos,
Que mesmo maus e inconsequentes,
Sejam corajosos e fiéis,
E que pelo menos num deles
Você possa confiar sem duvidar.
E porque a vida é assim,
Desejo ainda que você tenha inimigos.
Nem muitos, nem poucos,
Mas na medida exata para que, algumas vezes,
Você se interpele a respeito
De suas próprias certezas.
E que entre eles, haja pelo menos um que seja justo,
Para que você não se sinta demasiado seguro.

Desejo depois que você seja útil,
Mas não insubstituível.
E que nos maus momentos,
Quando não restar mais nada,
Essa utilidade seja suficiente para manter você de pé.

Desejo ainda que você seja tolerante,
Não com os que erram pouco, porque isso é fácil,
Mas com os que erram muito e irremediavelmente,
E que fazendo bom uso dessa tolerância,
Você sirva de exemplo aos outros.

Desejo que você, sendo jovem,
Não amadureça depressa demais,
E que sendo maduro, não insista em rejuvenescer
E que sendo velho, não se dedique ao desespero.
Porque cada idade tem o seu prazer e a sua dor e
É preciso deixar que eles escorram por entre nós.

Desejo por sinal que você seja triste,
Não o ano todo, mas apenas um dia.
Mas que nesse dia descubra
Que o riso diário é bom,
O riso habitual é insosso e o riso constante é insano.

Desejo que você descubra ,
Com o máximo de urgência,
Acima e a respeito de tudo, que existem oprimidos,
Injustiçados e infelizes, e que estão à sua volta.

Desejo ainda que você afague um gato,
Alimente um cuco e ouça o joão-de-barro
Erguer triunfante o seu canto matinal
Porque, assim, você se sentirá bem por nada.

Desejo também que você plante uma semente,
Por mais minúscula que seja,
E acompanhe o seu crescimento,
Para que você saiba de quantas
Muitas vidas é feita uma árvore.

Desejo, outrossim, que você tenha dinheiro,
Porque é preciso ser prático.
E que pelo menos uma vez por ano
Coloque um pouco dele
Na sua frente e diga “Isso é meu”,
Só para que fique bem claro quem é o dono de quem.

Desejo também que nenhum de seus afetos morra,
Por ele e por você,
Mas que se morrer, você possa chorar
Sem se lamentar e sofrer sem se culpar.

Desejo por fim que você sendo homem,
Tenha uma boa mulher,
E que sendo mulher,
Tenha um bom homem
E que se amem hoje, amanhã e nos dias seguintes,
E quando estiverem exaustos e sorridentes,
Ainda haja amor para recomeçar.
E se tudo isso acontecer,
Não tenho mais nada a te desejar ”

Victor Hugo

A hora é agora

A hora é agora Comentários desativados em A hora é agora

A hora é agora

O que o ano novo irá trazer

O que o ano novo irá trazer Comentários desativados em O que o ano novo irá trazer

O que o ano novo irá trazer

Resumo da Semana Comentários desativados em Resumo da Semana

De 24/12 à 30/12

A árvore do Beto

O Natal contado de jeito diferente

Viver é aprender

Boas festas!

Ano novo

 

 

 

Ano Novo

Ano Novo Comentários desativados em Ano Novo

“O objetivo de um Ano Novo não é que nós deveríamos ter um Ano Novo. É que nós deveríamos ter uma alma nova.”

(Gilbert Keith Chesterton)

Ano Novo

Boas festas!

Boas festas! Comentários desativados em Boas festas!

Sonhe, busque, espere, ame e seja amado! Deixe sua alma voar alto, pegar carona com os fogos coloridos. Mentalize seus desejos mais íntimos e acredite: eles também chegarão ao céu. Irão se misturar às estrelas, irão penetrar no Universo e voltarão cheios de energia para tornarem-se reais. Basta você querer de verdade, ter fé e best online casino nunca, NUNCA desistir deles!

Boas festas!

Boas Festas e que seu ano seja repleto de bençãos e realizações.

 

Viver é aprender

Viver é aprender Comentários desativados em Viver é aprender

Viver é aprender

O Natal contado de jeito diferente Comentários desativados em O Natal contado de jeito diferente

A árvore do Beto

A árvore do Beto Comentários desativados em A árvore do Beto

Lá na minha rua tem um menino chamado Beto.
O Beto é amigo de todo mundo.
Não é amigo só dos meninos, não.
Ele é amigo do dono da padaria, seu Júlio… Toda manhã o Beto entrega o pão na nossa rua.
Ele é amigo do sapateiro, seu Bertoldo… Ele até está aprendendo a consertar sapatos.
É amigo do seu Nicolau, um velho engraçado, que faz pipoca para a gente. É o Beto que faz as compras para ele.
O Beto tinha uma vontade de ter uma árvore de Natal. Era o sonho dele. Uma árvore grande, como a da casa do Caloca. Mas o pai de Beto não podia comprar a árvore para o Beto.
Um dia, Beto teve uma ideia.
Lá na nossa rua tem um terreno vazio, um terreno baldio. O Beto resolveu plantar uma árvore lá e esperar até que ela crescesse.
Limpou um pedaço do terreno… Arranjou um pouco de adubo com seu Alexandre, o jardineiro…
Comprou uma muda pequenininha de pinheiro… E plantou no terreno.
Todos os dias, o Beto regava a mudinha dele. Revolvia a terra em volta, tirava os galhinhos secos. Vigiava para não subir formiga. Cuidava da plantinha como se fosse uma gentinha. E a plantinha foi crescendo, forte e bonita.
Eu não sei quanto tempo o Beto cuidou daquela planta. Foi muito tempo… Até que a árvore do Beto ficou grande, cheia de galhos, uma beleza! Prontinha para virar árvore de Natal.
Na véspera de Natal, o Beto pediu para seu Nicolau ajudar. Ele ia levar a árvore para casa.
Seu Nicolau veio, com um serrote e uma lata.
– Para que este serrote, seu Nicolau? – Beto perguntou.
– Ué, é para serrar a árvore, você não quer pôr a árvore na lata, para levar para casa?
– Ah, mas assim vai matar a árvore!
– Bem, é assim que todo mundo faz. Serra o tronco da árvore e enterra numa lata.
– Ah, mas isso eu não quero. Minha árvore deu tanto trabalho… Eu gosto muito dela. Não quero matar, Deus me livre…
– Bom, a gente pode desenterrar com cuidado, serrar as raízes…
– Ah não, seu Nicolau, piorou! Serrar as raízes? Parece até que vou serrar as pernas dela…
– Mas, então, não jeito Beto.
Beto estava com os olhos cheios de lágrimas.
– É, então não tem jeito. Eu é que não vou matar a minha árvore.
E o Beto foi para casa muito triste.
A mãe do Beto ficou com pena dele. Fez um bolo de chocolate, que ele gostava. Fez cocada, fez rabanada…
O pai fez um papagaio lindo para ele.
Os irmãos não sabiam o que fazer para ele ficar contente.
O Beto estava muito desapontado. Mas cortar sua árvore? Nem pensar!
Aí o Beto começou a reparar que havia um movimento diferente lá na rua. O pessoal todo passava, pra lá e pra cá, apressado, com embrulhos. Seu Nicolau, seu Bertoldo, seu Júlio, os meninos…
Beto chamava os meninos:
– Vamos jogar bolinha, Maneco?
– Agora não posso, Beto. Estou ocupado.
– Vamos empinar papagaio, Caloca?
– Agora não, Beto, amanhã, tá?
Beto não entendia nada…
Quando já era noite, a mãe do Beto chamou:
– Vá tomar banho, meu filho. Está na hora da festa.
A mãe do Beto estava toda arrumada, como quem ia sair.
– Nós vamos sair, mãe?
– Vamos sim Beto. Vá se arrumar, ande.
O pai de Beto estava impaciente:
– Vamos embora. Só estão esperando a gente…
– Onde, papai? Aonde nós vamos?
– É logo ali, Beto, nós vamos à sua festa…
A festa do Beto era no velho terreno baldio. E Beto foi. E, quando chegou lá, sentiu que era uma verdadeira festa de Natal!
O terreno estava limpo. Todos os amigos estavam lá: seu Alexandre, seu Bertoldo, seu Júlio, dona Neném, os meninos…. Havia luzes; estava tudo enfeitado.
E, no centro do terreno, estava a sua árvore. Grande, brilhante, exatamente como ele tinha sonhado. Cheia de luzes, de bolas coloridas, de guirlandas prateadas. A sua árvore, o seu pinheiro, com os galhos compridos, pesados de presentes.
E todos os seus amigos tinham trazido de casa comidas gostosas.
Tinham arrumado uma mesa bem grandona.
Todos tinham vindo passar a noite de Natal com o Beto.
Todos queriam estar juntos. E uns diziam para os outros:
– Feliz Natal! Feliz Natal!
E o Beto pensava, comovido e feliz:
– Para quem tem tantos amigos, todo dia é dia de Natal….

(Ruth Rocha)

A árvore do Beto

 

Resumo da Semana Comentários desativados em Resumo da Semana

De 17/12 à 23/12

Natal

Então é Natal

O que é o Natal?

Se sentir completo

Enfeite de Natal

Livro “Ágape”

Espírito natalino

Frase de Chico Xavier

O nascimento de Jesus